quinta-feira, 28 de dezembro de 2017

NADA PODE SER MENOR! ATLETICANO E SUAS FÁLACIAS



Nosso rival sempre viveu num mundo paralelo.

Disso, não temos dúvidas.

Chamou o "Campeonato do Gelo" de Mundial.

Disse que Série B era título importante.

Afirmou, categoricamente, que é o "Time do Povo", em propagandas falaciosas em ônibus e em Confins.

Mas doido... a gente não fica discutindo. 

A gente deixa falar.

Falam muito.

Falam até demais.

Não, não vou ficar falando do lado de lá.

Que pouca história têm, poucos títulos têm.

Que bobagens faladas têm aos montes.

Ficam nesse blablabla de "Maria".

Nada pode ser menor.

Implicam com sobrenome de jogador que pode chegar ao Cruzeiro.

Como se isso fizesse alguma diferença.

Legal será quando Fred fizer gol, Marcelo Hermes for destaque e um monte de titulo vir para o lado glorioso da lagoa.

Do lado de lá, sombrio e lastimável, apenas um time b do Palmeiras...

Que em 2018 passará longe até do Campeonato Mineiro.


Por: Raposo Sensato

quarta-feira, 27 de dezembro de 2017

CINCO REFORÇOS? TALVEZ SEIS!


MAIS DO "DEU NA TELINHA"


DEU NA TELINHA!


MISSA PELOS 97 ANOS

Na próxima terça-feira, 2 de janeiro, o Cruzeiro Esporte Clube completa 97 anos de muitas glórias e conquistas em suas páginas heroicas e imortais. Para comemorar a data importante e agradecer a história vitoriosa, o Clube realizará a tradicional Missa em Ação de Graças.
A conhecida celebração cinco estrelas está marcada para às 19h, no Ginásio Poliesportivo do Barro Preto, que possui entrada pela Rua Ouro Preto (em frente ao Fórum). A cerimônia contará com a presença de membros da diretoria e de colaboradores do Pentacampeão da Copa do Brasil.
A missa será ministrada pelo Padre Gilson de Oliveira Filho e contará com um coral organizado pelo Grupo Regina Meyer.
FONTE: SITE OFICIAL DO CRUZEIRO

terça-feira, 26 de dezembro de 2017

DE QUANTO ERA A MULTA DO ANELKA?


KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

segunda-feira, 25 de dezembro de 2017

domingo, 24 de dezembro de 2017

DEU NA TELINHA! FRED NA MÍDIA!


VAI DAR O QUE FALAR: CLÁUSULA NO CONTRATO DE FRED É ABUSIVA




Um assunto tomou conta das redes sociais nesse sábado: a contratação do atacante Fred pelo Cruzeiro. O jogador, que estava no rival, Atlético-MG, rescindiu o contrato com seu ex-clube e acertou com o maior rival. E quanto a essa mudança de ares, uma discussão tem sido travada, até de forma mais acalorada, na imprensa: a cláusula que exige o pagamento de multa ao Atlético, caso o jogador acertasse com o Cruzeiro.
Bom, quanto a isso que passamos a analisar a situação. No nosso modo de ver, tal situação é, no mínimo, estranha. E falamos o porquê. Logicamente damos nossa interpretação por aquilo até agora, veiculado na mídia e como essa cobrança pode ser feita.
Há um princípio no Direito chamado “Pacta Sunt Servanda”, que nada mais é que cumprir aquilo estipulado em contrato. Contudo, sabemos, nem todo o contrato tem cláusulas que o próprio Direito apregoa. Assim tratamos, por exemplo, daquelas chamadas abusivas. E essa parece estar nesse interim. Vejamos: um contrato está em vigor até determinado momento e, depois de um acordo, ele é desfeito. Logo, tudo que antes havia sido colocado “preto no branco” deixa de existir. Caso a cláusula estivesse presente naquele contrato, ela perderia a valia. Encaremos, agora, a situação que Fred, por acaso, tivesse assinado um documento, posterior à rescisão, se comprometendo a não jogar no rival e que, caso isso acontecesse, o clube teria que pagar o clube um determinado valor. Oras, como assim? O jogador não tinha mais vínculo com o clube. Na nossa visão, um documento nulo, sem validade jurídica.
Citemos, por exemplo, o ótimo Caio Mário da Silva Pereira. Para o doutrinador, “o princípio da força obrigatória no contrato contém uma ideia que reflete o máximo de subjetivismo que a ordem legal oferece: a palavra individual, enunciada em conformidade com a lei, encerra uma centelha de criação, tão forte e tão profunda, que não comporta retratação, é tão imperiosa que, depois de adquirir vida, nem o Estado mesmo, a não ser excepcionalmente, pode intervir, com o propósito de mudar o curso de seus efeitos”. Nesse trecho, Caio, no entanto, não fala da abusividade, que pode ser encontrada nas palavras de Nelson Nery Júnior, ipsis litteris: “(cláusulas abusivas) são aquelas notoriamente desfavoráveis à parte mais fraca na relação contratual. São sinônimas de cláusulas abusivas as expressões cláusulas opressivas, onerosas, vexatórias ou, ainda, excessivas”.
Oras, aqui vemos claramente uma situação, no mínimo vexatória. Talvez por uma prática sempre recorrente àqueles que, ainda depois de ter seu “poder dominante extinto”, quer continuar prevalecendo. Bom, no Direito do Trabalho, em situações muito específicas, até é possível aquilo conhecido como “quarentena”, quando um determinado empregado fica sem poder trabalhar na mesma função em uma empresa concorrente. Mas algo muito, mas muito específico. Isso, no futebol, não cabe.
Esse tipo de cláusula, como outras risíveis e que constam em contrato, inclusive no exterior, nada mais é que uma determinação de tentativa de desencorajamento do profissional. Afinal, se há uma cláusula desse tipo, ele tende a evitar ir para aquela agremiação para não ter que arcar com possível indenização ao antigo clube. E o clube interessado, sem a devida assistência jurídica, acaba se precavendo e não indo atrás do jogador. Na nossa visão, até para manter uma boa relação fora de campo.
Conhecendo bem a imprensa mineira, cujo o sangue ferve quando trata-se de futebol, essa cláusula será pauta para muitas publicações, principalmente agora, na fase de “vacas magras” em termos de notícias. Vão buscar, de todas as formas, entrevistar os advogados tanto de Cruzeiro quanto de Atlético, sempre elucidando a multa que o Cruzeiro pode pagar.
Na nossa visão essa multa é nula e Fred pode, tranquilamente, jogar no clube celeste pelo período acordado em contrato. O direito de ir e vir é constitucional e não há, em condições naturais, como alguém querer impedir isso. Faz coro à nossa interpretação o conhecido advogado Marcos Motta, que em entrevista ao site do jornal Hoje em Dia afirmou que tal cláusula é abusiva por ser de caráter restritivo. “Do ponto de vista jurídico de uma forma geral e do ponto de vista do direito desportivo não pode acontecer. É algo que interfere diretamente no direito trabalhista do jogador. Chamamos de cláusula inibidora pela tentativa de restringir o trabalho do atleta”, afirmou o advogado.
Como salientado no princípio do texto, essa é uma análise jurídica diante daquilo exposto pela imprensa e que levamos à Constituição. Salientar dizer que recentemente a CBF proibiu que clubes colocassem multas em contratos de empréstimo de atletas a outras equipes, caso esses jogadores enfrentassem as equipes que os emprestaram. Ao olhar também sob essa ótica, se por empréstimo já é proibida a multa, quiçá dizer que um jogador, já de contrato rescindido, não pode jogar por outra equipe, incluindo o time rival. Na nossa visão é uma abusividade que tende a não dar em nada na justiça, com todo o respeito que temos aos mandatários do Clube Atlético Mineiro, inclusive presidido por um ilustre e competente advogado. Contudo, nessa questão, parece que jogou verde, mas não colheu maduro.
Podemos, como citou a reportagem já mencionada, o caso similar envolvendo o jogador Geuvânio, negociado pelo Santos ao futebol chinês e que continha, em contrato, impedimento de voltar ao Brasil que não para o Santos. O caso ainda tramita na justiça. O meia chegou ao Flamengo no início do ano e, na visão do mencionado advogado, que é similar à nossa, não há como haver impedimento do jogador em atuar por outra equipe brasileira.
Cláusulas curiosas
Um jogador do Sporting, de Lisboa, concordou em assinar um contrato que o proibia de usar chuteiras azuis ou vermelhas, cores de Benfica e Porto. Talvez por essa questão de se preocupar com algo tão fútil que o futebol português seja tão pequeno dentro do mundo que é o futebol europeu.
Ainda quando havia o “passe”, um jogador belga entrou na justiça contra seu time Liège, requerendo seus direitos, pois o clube havia feito uma proposta de renovação do vínculo com redução de 60% no ordenado. E estipulou um valor superior a 11 milhões de francos para liberá-lo. Acuado, foi à Justiça e venceu o clube. Isso acabou criando a jurisprudência de qualquer clube europeu, ao final de seis meses, exigir qualquer compensação financeira por um jogador.

Abaixo deixo alguns links para acessarem:

sábado, 23 de dezembro de 2017

PRESENTE DE NATAL OU DE GREGO?

O Cruzeiro anunciou, como bem observamos ainda hoje, pela manhã, a contratação de Frederico Chaves Guedes, o Fred, que passou os últimos dois anos em um time obscuro, mas que voltou à sua casa, como ele bem disse em vídeo, logo após assinar contrato por três anos com o Maior de Minas.

Fred já era monitorado há um bom tempo e tão logo ele rescindiu o seu contrato, foi procurado. Como o jogador não queria sair de Minas, reuniu-se logo pela tarde com a cúpula celeste e alinhou todos os termos. Vai receber um bom salário e ainda ter um acréscimo por produtividade. 

Fred chega com a fama de artilheiro. Pelo Cruzeiro, tem uma média excelente de 0,79 gols por jogo. E chega num momento que o ataque do time não estava rendendo tanto. Seis anos depois, volta a formar o trio com Rafael Sóbis e Thiago Neves, que quase conquistaram a Libertadores pelo Fluminense. Chegou a hora de consertar esse ponto fora da curva.

Opiniões múltiplas

A torcida do Cruzeiro está dividia quanto à contratação de Fred. Uns apoiam, outros repudiam e outros preferem esperar. O certo é que só saberemos se foi um bom presente de Natal com o decorrer do ano de 2018 e os outros que poderão vir. Agora, se não render como espera a sofrida torcida do outro lado da lagoa, seria um presente de grego bem caro. Que os bons ventos da Toca façam Fred ser o ídolo que se tornou no início dos anos 2000. 



Por: João Vitor Viana

HO HO HO... CADÊ O NOSSO PRESENTE DE NATAL, PRESIDENTE?



O Cruzeiro trabalha nos bastidores para anunciar um ou dois reforços até amanhã. O lateral-direito Edilson, o atacante David e o meia Bruno Silva são as opções mais próximas. Contudo, um episódio pode surgir como uma bomba na Toca II: Fred. O jogador acertou a rescisão de seu contrato nesse sábado com o nosso rival e está livre no mercado. Em épocas de vacas magras em que o clube não tem recursos para comprar jogador, surge aí uma possibilidade viável, ainda que com um alto salário.

Informações de bastidores dão conta que Itair Machado vai fazer uma oferta. Não quer dizer que vá contratá-lo. No entanto, livre, pode pesar para Fred a questão de já estar em Belo Horizonte, onde reside sua família e jogar a Libertadores. Corinthians, Flamengo e Fluminense são outros interessados. No entanto, não é uma negociação fácil e ainda que dê certo, dificilmente seria um nome a ser anunciado como "presente de Natal".

Aliás, a torcida clama por presentes. Até o momento, apenas Egídio foi anunciado. Bom jogador que vai substituir Diogo Barbosa. Esperamos, que à altura. Mas vivemos carências claras, como a falta de um jogador de frente e de um lateral-direito. Para trazer Edilson, o Cruzeiro estuda uma troca e um dos nomes de consenso é de Rafael Marques. Que vá logo e nem dê tchau! Alisson é outro nome que pode pintar no Sul. No entanto, sempre que clubes tentam tirá-lo da Toca, o Cruzeiro aperta o cinto. Não se sabe, porém, se vai conseguir resistir. Para reforçar há dois caminhos: dinheiro e troca. Se não há dinheiro e algum jogador seu interessa, para ter outros, você tem que abrir mão de algo.

Estamos aqui e perguntamos, Wagner Pires de Sá: cadê o nosso presente de Natal? Quem devemos buscar no aeroporto? Moreno não vem, Fernandão pode ser que "mele"... e aí? A torcida quer saber! Itair, cadê nossos reforços?

Por: João Vitor Viana

sexta-feira, 22 de dezembro de 2017

O SEGREDO DO CRUZEIRO EM 2017 FOI A UNIÃO. E ISSO SE VÊ NA SAÍDA DE HUDSON




A gente antecipou aqui que Hudson não ficaria. Além das entrevistas dos dirigentes, fontes garantiram que o volante dificilmente ficaria, apesar de ele ser cruzeirense. O jogador já tinha tudo acertado com o Cruzeiro, mas o clube preferiu não gastar o pouco de dinheiro que terá em um jogador de 30 anos. Não avaliaram a questão técnica, preferindo usar o dinheiro para outras contratações, uma delas, a se confirmar, do atacante David, de 22 anos.

Dinheiro que, aliás, vem do Banco BMG, que nos ferrou com todo o gosto em 2011, quando vendeu, numa só tacada, Thiago Ribeiro, Gil e Henrique, sequer consultando a Raposa, o que fez o time desequilibrar e quase ser rebaixado. Esse mesmo "parceiro" que vem novamente dar as caras. É bom a torcida manter os dois olhos bem abertos!

Perdemos o segundo titular, que foi um diferencial na Copa do Brasil. Depois de Diogo, que jogou muito, Hudson. A saída do atleta foi lamentada por vários jogadores, um deles, Thiago Neves, que desabafou nas redes sociais, discordando da falta de acordo pelo companheiro. Era desejo tanto de Thiago como do resto do grupo celeste, que Hudson permanecesse. E isso exarado de forma pública, só confirma o que vem dos bastidores do clube: a união. Os caras são como uma família e até nas férias, vários estão juntos, com suas famílias, viajando. Esse foi o segredo do sucesso. E tem que continuar sendo!

O time do Cruzeiro de 2017 há muito tempo não tinha essa unidade. Talvez o mesmo tenha sido notado no grupo de 2003. Nem no grupo de 2013 e 2014 era assim.Todos estiveram focados, buscaram dar o seu melhor e conquistaram, juntos, um troféu importante.

Assim como os jogadores, o BLOG SITE CRUZEIRO ONLINE também lamenta a saída de Hudson. Tantos cruzeirenses que poderiam ajudar a permanência dele e parece que o esforço que deveria ser feito, faltou. Temos, sim, outras peças de reposição, como Lucas Silva, Ariel e Romero, além de Nonoca. Mas vamos disputar a Libertadores! E ter no grupo jogadores de qualidade nunca é demais.

Por: João Vitor Viana

quinta-feira, 21 de dezembro de 2017

CONTRATAÇÃO DE EDILSON VAI SER POR TROCA MAIS DINHEIRO!



O Cruzeiro ouviu uma frase boa da diretoria do Grêmio: o time gaúcho tem interesse em três atletas celestes. Não revelam os nomes, mas é um passo importante para que os clubes cheguem a um acordo por Edilson. E diante da escassez de recursos pelo lado azul de Minas, a chance aumenta bastante. Logicamente os atletas que o Grêmio tem interesse tem que ser viáveis de sair.

Não seria Thiago Neves nem Arracaeta, como apuramos. Afinal, seria risível, apesar de toda a qualidade de Edilson. Contudo, Renato Gaúcho teria solicitado algumas posições carentes ao presidente e pode ser que algum jogador do meio para a frente ou até mesmo um zagueiro interesse. As posições não foram reveladas.

Até o Natal, o Cruzeiro deverá anunciar oficialmente duas contratações. Uma delas, de Bruno Silva, já acertado e dependendo apenas de um "ok" do Botafogo para o pagamento dos R$ 4 milhões ser feito no dia 10 de janeiro, em vez do dia 4, como queriam. Além dele, o Cruzeiro também deverá anunciar o próprio Edilson. Fernandão, em estágio avançado de negociação, deverá ser somente anunciado em 2018.

Outras posições
O Cruzeiro trabalha ainda com a manutenção de Hudson. Fez uma proposta ao São Paulo para ter o atleta e aguarda retorno. O Santos apareceu como interessado no jogador nos últimos dias e isso pode ser um fator dificultador. Aquele prazo que o agente de Hudson havia dado (terça-feira era o dia do ultimato) acabou sendo um blefe e o Cruzeiro tem até o dia 31 de dezembro para buscar um acordo com o São Paulo.

Deivid também é um jogador que está próximo do Cruzeiro. O Maior de Minas fez uma proposta e aguarda retorno. A pretensão é de adquirir 70% do atleta, de 22 anos, que se destacou no Brasileiro desse ano. Outro atacante também poderá ser anunciado, assim como outro lateral-esquerdo. Até o momento, de forma oficial, apenas Egídio foi anunciado. O contrato com o Maior de Minas é por dois anos.

Por: João Vitor Viana

quarta-feira, 20 de dezembro de 2017

LIBERTADORES: CRUZEIRO CAI EM GRUPO RAZOÁVEL



Grupo chato?

Talvez.

Racing é aquele time chato. 

Oriente Petrolero, Vasco,  e outras duas equipes podem completar o grupo.

Vai depender dos confrontos.

Pode ficar melhor ou mais enjoado.

Há ainda o Universidad de Chile, que não sabemos o que vem.

Mas o grupo do Flamengo ficou bem pior.

Na minha opinião, um grupo razoável.

Diferentemente do que um certo portal atleticano aí publicou como manchete: grupo difícil.

Não acho assim.

Acho um grupo bom para testar o elenco.

Se tivermos o time que queremos, com os reforços desejados, o primeiro lugar do grupo será menos complicado de atingir.

Grupo da Morte é o do Flamengo, como disse.

Nem irei avaliar os outros grupos.

Preocuparei com o Cruzeiro.

Muitos times dessa vez, confrontos históricos em cada grupo.

Sorteio não deixa o grupo tranquilo, mas também não há muito a temer.

Bom teste para iniciar e para ir longe nesse torneio!

Por: Raposo Sensato


COM QUATRO NO RADAR, CRUZEIRO ESPERA ANUNCIAR AO MENOS DOIS ANTES DO NATAL



O Cruzeiro trabalha para anunciar, antes do Natal, alguns "presentes" para a sua torcida. Não é segredo que o clube já está acertado com Bruno Silva, devendo tão somente resolver alguns detalhes burocráticos (dia do pagamento) com o Botafogo. O acordo selado com a Ponte Preta não foi divulgado. O certo é que o Cruzeiro ficará com 100% de Bruno Silva, volante de 31 anos. Ele é o mais próximo de ser anunciado oficialmente. 

Outros nomes estão bem encaminhados. São eles o atacante Fernandão, o lateral Edílson e o atacante David. O volante Hudson é esperado, mas depende de um "ok" do São Paulo. Recentemente, a fim de provocar um aceite do clube paulista, o Cruzeiro aumentou para 700 mil euros a proposta pelo jogador, de 30 anos.

De acordo com pessoas ligadas à nova diretoria, Itair Machado quer anunciar ao menos dois reforços até o Natal. Na visão do homem forte do clube, seriam presentes para a torcida, que espera um time ainda mais forte em 2018. Além desses jogadores citados, juntamente com a permanência de Hudson, o Cruzeiro poderá, ainda, fazer contratações de "oportunidade". A diretoria celeste tem monitorado o mercado e não descarta a vinda de outro lateral-esquerdo e de outro atacante.

Por: João Vitor Viana

DEU NA TELINHA! CONFIRA!




segunda-feira, 18 de dezembro de 2017

CHEGA AO FIM A "ERA GILVAN"



Muitos jogadores contratados.

Alguns técnicos.

Vários acertos.

Vários erros.

Superficialmente, assim se resume a era Gilvan, que também teve três títulos.

Seria demagogo e injusto dizer que foi uma gestão ruim.

Financeiramente ainda não sabemos como ficou o clube.

Certamente não ficou tão pior ou melhor de quando o próprio presidente pegou, em 2011.

Àquela época não tínhamos dinheiro nem time.

E conseguimos, por dois anos, sermos os melhores do país.

Esse ano, retomamos o posto, sendo o campeão da Copa do Brasil.

Certamente há muito a melhorar, principalmente quanto a arrecadação e poder financeiro.

É o que esperamos na próxima gestão, que parece ser capacitada.

Quanto ao presidente Wagner Pires, que toma posse hoje, vamos avaliar posteriormente.

Contudo, não podemos negar que trouxe para o clube ótimos executivos.

E acreditamos nessa nova cúpula.

Que não pode deixar de contratar reforços.

Gilvan contratou, em sua gestão, 89 jogadores.

Grande parte não deu certo.

Wagner Pires trouxe, atá agora, Egídio.

Precisamos de pelo menos mais quatro jogadores, sendo um lateral e um atacante.

Vamos aguardar pelo que virá.

Que os próximos três anos prometam, principalmente, títulos!

Por: Raposo Sensato

sábado, 16 de dezembro de 2017

NAS ENTRELINHAS: HUDSON TENDE A NÃO FICAR



Aquilo que era certo, ficou completamente incerto. E, pelo visto, a tendência é pelo retorno do volante. Com a "desculpa" que não há dinheiro para comprar o jogador, o Cruzeiro fica no aguardo da proposta do Corinthians por Scarpa, do Fluminense, não ser aceita. Isso porque o clube do Parque São Jorge colocou os direitos de Lucca na negociação. Assim, os 25% ofertados pelo Cruzeiro de nada valeriam ao São Paulo. Assim, a negociação esfriou.

O agente do jogador deu entrevistas dizendo que caso Hudson tenha que voltar, o fará, sem problemas. Em conversa com um site esportivo, Itair Machado deixou a entender que o clube não vai alterar a proposta e deixou nas entrelinhas que caso não dê certo, "paciência".

Hudson foi jogador fundamental para o Cruzeiro em 2017, principalmente na partida diante do Grêmio, quando marcou o gol que levou a decisão para os pênaltis.

Outros nomes comentados

Itair comentou sobre a possibilidade de contratações do Cruzeiro. Sobre Rafinha, afirmou que o clube foi o primeiro a procurar o atleta, mas que hoje há concorrência. E até o dia 20 desse mês haverá uma definição. Sobre Bruno Silva, alguns detalhes separam o anúncio. Esses detalhes, segundo apuramos é o acordo dos atletas que o Cruzeiro cederá à Ponte Preta têm que fazer. Se acertarem, o Cruzeiro anuncia Bruno Silva. Já acertou com o Botafogo todas as cláusulas contratuais. 

Itair também comentou sobre Gabigol e David, atacante do Vitória. Para ele, são duas possibilidades concretas. Para ter David, o Cruzeiro contaria com o apoio do Banco BMG. Quanto a Gabigol, o atacante viria por empréstimo e quatro parceiros bancariam o salário do jogador. No entanto, precisaria da Inter-ITA, aceitar emprestá-lo. 

Por: João Vitor Viana

quinta-feira, 14 de dezembro de 2017

BRUNO SILVA É DO CRUZEIRO!

Falta só o anúncio! Na tarde dessa quinta-feira, o Cruzeiro acertou a contratação de Bruno Silva, de 31 anos, junto ao Botafogo. O atleta assina por três anos com a Raposa.

Em troca, o Cruzeiro vai pagar R$ 4 milhões, em parcelas a serem divulgadas e vai ceder o atacante Roni, que estava emprestado ao Albirex, do Japão.

Em princípio o Botafogo estava reticente em dividir o valor, já que o Cruzeiro não tem honrado seus compromissos. No entanto, o clube mostrou uma carta de crédito bancário aos cariocas e se comprometeu a pagar as parcelas de "forma religiosa".

Hoje pela manhã, o vice-presidente do Cruzeiro, Itair Machado, havia dito que até segundo iria anunciar dois reforços. O primeiro é Bruno Silva, cruzeirense desde criança.

Por: João Vitor Viana

A QUARTA FICOU POR CONTA DA ZOAÇÃO AO RIVAL. CONTRATAÇÃO DEVE FICAR PARA SEGUNDA

O Cruzeiro esperava anunciar algum reforço ontem. Contudo, as tratativas estão sendo feitas e o vice-presidente de futebol do clube, Itair Machado, em declaração a um site esportivo, afirmou que espera anunciar dois reforços até a próxima segunda-feira. Um deles deve ser Bruno Silva e outro, um segundo atacante. A quarta-feira e até hoje serviram para zoar mais o nosso rival, que está fora da Libertadores. O Flamengo perdeu para o Independiente na junção dos dois jogos e acabou ferrando nosso rival, que vai ver a Libertadores pela TV. Além disso, não entra nas oitavas-de-final da Copa do Brasil, posto que vai ser ocupado pelo vencedor da Série B, o América.

Hudson é uma questão que está sendo esperada. O clube fez uma oferta ao São Paulo, que seria de 400 mil euros mais 25% de Lucca, que jogou o Brasileirão pela Ponte Preta. O São Paulo ainda não se pronunciou sobre a proposta celeste. O clube ainda tenta acertar com um atacante. Nessa quinta-feira foi anunciado que o Maior de Minas teria procurado Fernandão, que está na Turquia, e feito uma proposta de empréstimo. O valor para o atleta vir seria de 500 mil euros. Atualmente, o atacante, de 1,92m, está no Fenerbahce.

Laterais e atacante
O Cruzeiro, mesmo anunciando Egídio, vai também trazer outros dois laterais, um para cada lado. Rafinha é o sonho para a direita e Victor Luiz, para a esquerda. No entanto, são nomes tratados com cautela e que não são a prioridade do momento. Deivid, atacante de 22 anos do Vitória, que joga pelos lados do campo e fez bom campeonato, pode aparecer na Toca.

Por: João Vitor Viana

quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

QUARTA PROMETE. AO MENOS UM REFORÇO DEVE SER ANUNCIADO



O Cruzeiro trabalha nos bastidores para anunciar, ainda hoje, um reforço. Pode ser Bruno Silva ou Hudson. Ambos estão bem encaminhados e um acerto é próximo. Qual será o primeiro? Difícil de dizer.

Em entrevista a um portal de notícias mineiro, ontem, o agente de Bruno Silva afirmou, categoricamente, que apenas um detalhe separava o atleta de Minas Gerais. Esse detalhe seria o tempo de contrato que o atleta cedido pelo Cruzeiro teria com o Botafogo. No mais, tudo parece certo.

Quanto à contratação de Hudson, o que está "pegando" é o atleta que entrará no negócio. Nos bastidores - notícia não confirmada -, o Cruzeiro cederia um e o São Paulo teria pedido outro. Os nomes são mantidos em sigilo, mas especula-se Rafael Marques. Que assim seja.

Vamos ver se a nova diretoria celeste anuncia alguém, de fato, hoje.

Bruno ou Hudson? Tanto faz. Se no final os dois acertarem, quem ganhará será o clube.



Por: João Vitor Viana

BLOG SITE CRUZEIRO ONLINE - SITE QUE ENTENDE A TORCIDA E QUE INFORMA PERIODICAMENTE. ESTEJA CONOSCO SEMPRE AQUI E NAS NOSSAS MÍDIAS SOCIAIS!

terça-feira, 12 de dezembro de 2017

IMPRENSA LIXO!



Na falta de pauta, a imprensa vai atrás de polêmica.

Aliás, quando há polêmica, eles nem se dão ao trabalho de ir atrás de pautas.

Gostam de ver briga.

Gostam de incentivar a discórdia.

Plantam e semeiam, diariamente.

E quando é contra o time dela, ficam "em polvorosa".

Uma pena que a imprensa mineira seja tão ruim, incompetente e degradante.

Em nossa página, diariamente a gente replica alguns conteúdos.

Mas outros dão ânsia de vômito.

A de ontem foi uma matéria sobre uma entrevista descontraída de Thiago Neves.

Nem me dei ao trabalho de buscar o canal a que o atleta deu entrevista.

Mais um canal de oportunistas que acham que humor se faz com humilhação, na "Onda Pânico", programa lixo que até hoje está na TV e eu não tenho como explicar.

Assim como o "Pânico", esse canal que surgiu há pouco quer viver de polêmica.

E, pelo visto, já ganhou um adepto: o canal virtual atleticano, que rejeito dizer qual o nome.

Não é bom dar publicidade a otários incompetentes.

Mas é uma parcela da imprensa mineira.

Uma parcela, infelizmente, grande.

Que fica incomodada com tudo.

E que não fala das dívidas do próprio time, das condenações criminais de seus jogadores nem de faixas de feministas.

Por que? 

Deem vocês as respostas.

Por: Raposo Sensato

segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

sexta-feira, 8 de dezembro de 2017

ESPECULAÇÕES AOS MONTES E NADA ALÉM DE EGÍDIO, POR ENQUANTO



O Cruzeiro trabalha para reforçar o seu elenco para 2018.

Mas, até agora, apenas Egídio foi anunciado.

Nos bastidores, é um nome por dia.

Hoje apareceu o nome de Dudu, que é revelação do próprio clube e que está no Palmeiras.

Mais especulação que tudo.

Recentemente houve uma oferta da China e ele não quis ir.

É capitão do Palmeiras e nem para voltar às origens interessa.

Os nomes de Pratto, Ricardo Oliveira e até André Bebezão já apareceram.

Parece que o clube joga no ventilador um nome para ver se dá.

A maioria que rolou até agora, até que rolou.

Repercussão boa.

Mas e a grana?

Essa está difícil, mesmo ficando em quinto no Brasileiro e ganhando a Copa do Brasil.

Imaginem se o clube passasse mais um ano sem titulo?

Complicado.


Por: Raposo Sensato

quinta-feira, 7 de dezembro de 2017

VIAGENS E MAIS VIAGENS: O QUE VEM POR AÍ

Terminada a temporada do futebol - apenas o Flamengo está na ativa e, ontem, perdeu a primeira partida da final da Copa Sul-Americana, para desespero dos torcedores do nosso rival -, sempre é aberta a "Temporada de Especulações". Quem chega, quem sai, tudo isso é anunciado, até com certa irresponsabilidade de alguns veículos. Mas para ganhar alguns cliques e "likes", a imprensa, se preciso for, vende até a própria alma.

Bom, o certo é que o Cruzeiro tem alguns assuntos pendentes, um deles, a contratação de Hudson em definitivo. Isso deve ser acertado até segunda-feira. Os dirigentes celestes estão se mobilizando e viajaram para São Paulo a fim de finalizar as questões pendentes. O maior desencontro entre as partes é o valor. O Cruzeiro pede um desconto, o que o São Paulo não dá. Contudo, o Tricolor Paulista deve aceitar abaixar um pouco a pedida e ainda parcelar para facilitar as coisas. Hudson quer ficar em BH e já teria solicitado ao São Paulo que, se possível, não fizesse jogo duro.

A cúpula celeste também esteve no Rio de Janeiro e deverá ter uma resposta quanto a Bruno Silva até o final da semana que vem. A conversa caminhou para um bom desfecho, ainda que, depois, a imprensa especulasse que o Botafogo, para liberar o seu principal jogador, teria solicitado um atleta titular do Cruzeiro, como Arrascaeta ou Robinho. As chances de Bruno Silva chegar são grandes.

Junto a isso, a diretoria do clube pode também acertar a vinda de um lateral-direito. O clube vem contatando alguns clubes e atletas e também deverá anunciar um atleta em breve para o setor. Ainda que renove o contrato de Galhardo por dois anos e possa dar chances a Vitinho durante competições menores, o Cruzeiro não descarta ter um atleta de ponta por ali, já que foi muito questionado esse ano.

De certo até agora é o retorno de Egídio. Ele assinou contrato por duas temporadas.

Por: João Vitor Viana

terça-feira, 5 de dezembro de 2017

SÃO PAULO CHEIO DE MIMIMI. E SE O CRUZEIRO ALICIOU, QUE BURRO!

O São Paulo acusa o Cruzeiro de aliciar Lucas Pratto, atacante do clube paulista. Segundo membros da diretoria do Tricolor, o clube mineiro teria entrado em contato com o atleta, querendo saber das exigências para vir jogar em Belo Horizonte. Aliás, Pratto conhece bem a cidade, uma vez que já atuou no nosso rival.

Cruzeiro e pessoas ligadas a Pratto desconhecem tais investidas. Ainda assim, o São Paulo, no auge de seu mimimi, afirma que vai à Fifa protocolar a situação. Talvez o "mimimi social" tenha chegado ao futebol e, qualquer ligação, citação ou coisa do tipo,a gora, é tratado como aliciamento.

Aliás, quão chato está essa nossa sociedade! Ao mesmo tempo que se quer tudo, não se pode fazer nada. Falou uma coisa é isso, é aquilo. Não há bom senso para nenhuma das extremas e isso, ao que parece, está chegando ao futebol. Será que o Cruzeiro seria burro a esse ponto? Atualmente negocia a compra de Hudson junto ao próprio Tricolor. Seria o Cruzeiro tão idiota ao ponto de deixar o relacionamento ruim aliciando um outro jogador? Nossa, se o Cruzeiro o fez, quanto amadorismo!

Não acredito na hipótese de aliciamento. Primeiro porque o Cruzeiro não tem dinheiro sequer para pagar o salário de Pratto, quanto mais para tirá-lo do clube paulista. O São Paulo investiu uma grana pesada para tirá-lo do nosso rival e não seria todo de abrir mão de seu camisa 9, a não ser que passe por uma situação financeira pior que a nossa, o que não acredito mesmo. Isso cheira tão somente a um ato mimizento de alguns da cúpula são-paulina. 

Aliás, quero ver o São Paulo provar tais acusações. O ônus da prova é de quem acusa.

Por: João Vitor Viana

segunda-feira, 4 de dezembro de 2017

CORTINAS FECHADAS PARA 2017

Com o fim do Brasileiro, equipes entram de férias. Cruzeiro, em quinto, embolsará pouco mais de R$ 4 milhões, que ajudará no pagamento de salário e, quem sabe, na contratação de Hudson. Agora é aberta a "temporada de especulações"

2017 foi um ano com saldo muito positivo para Minas Gerais. Para 95% do Estado, que é azul, uma felicidade maior: título da Copa do Brasil para torcedores do nosso rival ficarem se rasgando com a unha até onde conseguirem. O América retornar à elite do futebol brasileiro também significou muito para esse Estado. Nós, a Nação Azul, parabenizamos o nosso co-irmão, América. Já o outro time, fica na torcida pelo Flamengo pelos próximos 10 dias. Afinal, como sempre, sua torcida quer voltar a "gozar com o pau dos outros". Foi assim com o Borrúsia, foi assim com o Estudiantes. E vai ser assim com o Flamengo. Quem não tem competência e vive de Campeonato Mineiro e Campeonato do Gelo dá nisso. 

Bom, mas deixando o rival de lado - o que temos que fazer, afinal, lá não há história alguma que possamos ficar aqui perdendo tempo - inicia-se, agora, a "temporada de especulações". Períodos intermináveis de reunião entre comissão técnica e diretoria, saída e chegada de jogadores e toda aquela movimentação que sempre acontece de ano para ano. Que a nova diretoria não insista em erros lamentáveis que a Gestão Gilvan cometeu. Nada de ficar trazendo jogadores de baixo nível técnico como Rafael Marques, Riascos, Breno Lopes e tantos outros. Gilvan foi campeão brasileiro em duas oportunidades e uma vez da Copa do Brasil. Teve um saldo positivo ao final. Contudo, ainda assim, cometeu erros que oneraram, e muito, os cofres do clube. Que a nova diretoria saiba dosar os investimentos e que a nossa comissão técnica dê oportunidades aos meninos da base, principalmente no Campeonato Mineiro. Se é para dar rodagem aos jogadores, que seja enfrentando equipes da elite do futebol mineiro, até para Mano ver se há, dentro do clube, soluções para várias carências do elenco.

Para o próximo ano, o Cruzeiro deverá buscar quatro a cinco reforços. Um deles, Egídio, já foi anunciado. Deverão chegar um atacante, um lateral, um meia atacante e, talvez, mais um lateral-esquerdo. Nada de muita quantidade. Mano pediu qualidade e, se necessário for, vai buscar na base algum atleta. Afinal, com um sub-20 que ganhou tudo no ano, não é possível que ao menos dois ou três não subam. Cito aqui Vitinho e Victor Luiz, ambos laterais; Vander, volante; Thonny Anderson e Marcelo, atacantes. Fora Vitor Eudes (goleiro), Rissi (zagueiro), Nickson (meia) e Cesinha (atacante).

Investimentos
O Cruzeiro estuda a negociação de atletas, como o zagueiro Fabrício Bruno. Com o dinheiro de algumas vendas, o clube vai atrás de um atacante e um lateral-direito. Poderá, ainda, promover trocas com clubes e tem em vários jogadores como Elber, Rafael Marques e até mesmo o zagueiro Dedé como potenciais jogadores a serem cedidos. O dinheiro a ser recebido pela CBF pela colocação, cerca de R$ 4 milhões, servirá para pagar dívidas, salários e buscar a permanência de Hudson.

Por: João Vitor Viana e Marcão


sexta-feira, 1 de dezembro de 2017

A SOBERBA GREMISTA, QUE SE MISTURA AO DESRESPEITO E À REPUGNÂNCIA

Nossa sociedade vive tempos de caos e desrespeito completo. Não entra na brincadeira, preferindo tão somente guardar as coisas para si, num rancor incontrolável e, quando estiver por cima novamente, destila todo o veneno acumulado.

Foi assim com dois atletas do Grêmio, Luan e Bressan. O primeiro, um jogador talentoso e de futuro. O segundo, um pobre coitado, fraco e um profissional péssimo. Que agradeça ao futebol a oportunidade de ganhar dinheiro, pois se tivesse que exercer outra profissão, poderia estar passando necessidade. Completamente despreparado!

Ambos não enguliram a provocação esportiva de Thiago Neves, que ao eliminá-los na Copa do Brasil, disse apenas um "Chupa, Grêmio", não desmerecendo em nada nem o time nem os jogadores. Tanto que ainda ontem Thiago pediu para que os órgãos de imprensa parassem de proliferar esse tipo de coisa no intuito de instigar ainda mais a antipatia entre jogadores, torcida, clubes. Mas pedir isso a quem gosta de ver o "circo pegando fogo"? Jamais que a imprensa, principalmente a mineira, vai deixar isso escapar.

Possivelmente não levaram até os gremistas as frases de Thiago Neves, como ainda continuam dizendo em seus sites e redes sociais que as provocações continuam. Hoje, um site esportivo afirma que Bressan chamou o Cruzeiro de pequeno. Pequeno? Onde? Quem é Bressan?

Eu respeito muito o Grêmio, os gremistas e todo grande time. Mas não podemos aceitar essa soberba. Esse comportamento antidesportivo, cretino e desgostoso ao esporte em nada acrescenta. Bressan, para falar do Cruzeiro, lave sua boca! Diante de toda a história de um dos maiores clubes do Brasil, um dos gigantes desse país, um gigante de história e títulos, melhor ficar calado. Não seja com a boca, o bosta que é com a bola! Frases assim são repugnantes. E um prato cheio para a imprensa.

Por: Marcão

VÍDEO: LEMBRE-SE DO QUE DISSE WAGNER PIRES APÓS SER ELEITO!


DEU NA IMPRENSA: CRUZEIRO MONITORA JUNIOR DUTRA