quinta-feira, 30 de outubro de 2014

JOGOU BEM DEPOIS DA INSTABILIDADE

POR: JOÃO VITOR VIANA

Como comentei ontem, aqui no Blog, após a vitória do Cruzeiro sobre o Santos por 1 a 0, no Mineirão, o Cruzeiro voltou a jogar bem, dando sinais que a instabilidade do time passou. A sequência de jogos, que tanto prejudica os atletas e corrobora com contusões seguidas, embora continue, pareceu não interferir ontem.

Desde o início, o Cruzeiro partiu para cima, dominou as ações e criou as jogadas, o que não estava fazendo. Escrevemos, até de forma repetitiva aqui, que o Cruzeiro deveria jogar como Cruzeiro, enfrentar tudo e todos, mas não ser pragmático. Isso implicaria em ser criativo, parar de ficar apenas levantando bola na área e em se impor. Ontem, o time conseguiu.

Não fosse a péssima arbitragem do trio, o placar seria melhor. Mas nos garfaram novamente em um impedimento ridículo assinalado. Um gol faz muita diferença nesse tipo de competição e espero que não nos faça falta.

Gostei da forma como o time se comportou e, daqui por diante, o time tem que saber se preservar. São dois jogos por semana, jogos complicados, decisivos e o descanso deve ser feito ao máximo. Parabéns à comissão que deu a quinta-feira de folga aos atletas, que só se reapresentam amanhã

Nossos atletas, esperamos, devem estar inteiros para a batalha de domingo, diante do Botafogo, às 17h, no Mineirão. Aproveito para convocar a torcida, que não foi tão presente ontem e que faz a diferença no estádio. Acredito que o pior já passou e que o torcedor deverá abraçar o time até o fim para que os resultados e os títulos aconteçam esse ano.

O QUE SÓ O BANDEIRA VIU!

Não foi mais de 3m, como uma bandeira já fez, mas foram 66cm que fariam muita diferença

BOA ATUAÇÃO DE WILLIAN TEM A VER COM CONSELHOS ANTES DA PARTIDA


Herói da vitória do Cruzeiro sobre o Santos, por 1 a 0, na noite desta quarta-feira, no Mineirão, que garantiu vantagem no confronto, o atacante Willian revelou que uma conversa com o experiente Júlio Baptista foi decisivo para que ele fizesse, em sua avaliação, a melhor partida após a renovação contratual em meados deste ano.

"O Júlio (Baptista) conversou muito comigo antes do jogo, falou palavras positivas de confiança e isso levei para dentro de campo de estar me mobilizando", afirmou Willian, em entrevista, logo após o término do jogo, que permite ao Cruzeiro jogar pelo empate na próxima quarta-feira, na Vila Belmiro.

Willian fez o gol da vitória, aos 13 min, em lance em que chutou duas vezes para superar o goleiro Aranha. "Eles deram a chance e eu chutei para fazer o gol. É sempre especial fazer gol que é decisivo para um resultado importante. Este gol vai nos ajudar bastante a conseguir a classificação na próxima quarta-feira", destacou o atacante cruzeirense.

Uma pancada no tórax, no entanto, prejudicou a Willian, que quase não voltou para o segundo tempo, mas ainda conseguiu atuar por 19 minutos, antes de ser substituído por Dagoberto. "Estava me sentindo bem, mas depois o problema no tórax me limitou muito a respiração. O jogo estava corrido e a gente tem banco é para isso. Fiquei feliz pela partida que fiz, pelo gol e pelo resultado", observou.

O jogador vinha sendo cobrado pela queda de produção que teve após renovar o contrato no meio da temporada. Ele chegou a perder a posição como titular para Marquinhos e só começou jogando contra o Santos pois o camisa 34 não tem condições de disputar a Copa do Brasil.

"Tinha aproveitar essa oportunidade pela importância da partida, fico feliz pelo gol, claro que é especial, isso gera confiança para a sequência do nosso trabalho e da competição", destacou o velocista.

Apesar do placar magro, o atacante comemorou o triunfo que dá a vantagem para o Cruzeiro no jogo de volta. "Pela circunstância da competição foi um resultado importante, o objetivo era fazer mais gols, mas estamos jogando com uma equipe de muita qualidade", afirmou.

O atacante prevê um jogo franco na Vila Belmiro e espera que o time aproveite as chances para marcar gols e complicar a situação do rival. "Lá na vila vai ser um jogo aberto também e temos que aproveitar as oportunidades para concluir em gol e conseguir essa classificação", concluiu.

LINK ORIGINAL

FALTOU A TORCIDA

POR: RAPOSO SENSATO

Faltou a torcida!

Tudo bem ser uma quarta-feira, às 22h, com transmissão pelo SportV2.

Mas faltou a torcida.

O público pagante foi de 25.714 torcedores e o número total de pessoas presentes ao Mineirão atingiu a 27.720. 

A renda de R$ 1.029.363,00 apenas a 13ª maior do time celeste em toda a temporada.

Ficou atrás de jogos como a vitória sobre a Chapecoense, por 4 a 2, pelo primeiro turno do Brasileirão.

Será que a torcida faltou por desconfiar do time?

Espero que não.

Agora é a hora de estarmos juntos.

Torcedor, esteja presente ao estádio!

Prove que a torcida move o time!

Domingo tem mais.

Quero esse Mineirão lotado!

Para os jogadores verem que estamos todos na mesma toada.

E que queremos, de fato, ser campeões.

Por isso, não aceito menos de 40 mil diante do Botafogo.

Vamos juntos levar esse time ao Tetra e ao Penta!

FALA, TREINADOR!


Na Copa do Brasil, às vezes não sofrer gols em casa é um fator tão comemorado quando vencer a partida. Foi o que ocorreu com o Cruzeiro, nesta quarta-feira, na vitória sobre o Santos por 1 a 0. O clube celeste ainda teve um gol mal anulado pela arbitragem, mas, no fim do jogo, o técnico Marcelo Oliveira preferiu minimizar o erro do árbitro assistente e comemorar o triunfo simples.

”Houve um erro que nos daria uma vantagem ainda maior, de dois gols. Um erro do bandeirinha, sem nenhum problema de tendência, não foi tendencioso, mas ele está na linha para fazer isso, e infelizmente nos prejudicou. Mas, não vou falar de arbitragem, porque o Cruzeiro jogou muito bem e tem a possibilidade de sair da Vila Belmiro classificado para a final”, disse Marcelo Oliveira, logo na primeira resposta da entrevista coletiva.

O treinador gostou do Cruzeiro no primeiro tempo, mas viu queda de produção na etapa final. Para ele, porém, isso foi motivado pelo próprio volume de jogo do Santos, que saiu em busca do empate na etapa final. O desgaste físico também prejudicou o Cruzeiro, segundo o técnico Marcelo.

”O primeiro tempo foi melhor que o segundo. Não que no segundo a gente tenha deixado de atacar, ou tenha ficado atrás, contente com o resultado, mas sim porque o Santos saiu muito mais. É um time de muita qualidade, trouxeram problemas em contra-ataques. No primeiro tempo, foi susto zero, comportamento perfeito da equipe. Pecamos um pouco na jogada final”, analisou o treinador.

Agora, o Cruzeiro volta as atenções para o Campeonato Brasileiro. Líder com cinco pontos de vantagem sobre o São Paulo, a Raposa enfrenta o Botafogo, no domingo, às 17h, no Mineirão.

LINK ORIGINAL

CURTINHAS

COMO PRÊMIO, A FOLGA
A vitória do Cruzeiro sobre o Santos por 1 a 0, nesta quarta-feira, pela semifinal da Copa do Brasil, gerou um “brinde” aos jogadores celestes. Desgastados com a grande sequência de jogos desde o mata-mata da Copa Libertadores, ainda no primeiro semestre, os atletas ganharam folga geral nesta quinta-feira. Os jogadores só se reapresentarão na sexta-feira à tarde. Segundo o técnico Marcelo Oliveira, a folga foi planejada pela comissão técnica não só para poupar os atletas fisicamente, mas também mentalmente.

LAMENTO NO FIM
O fim da partida no Mineirão foi eletrizante. Cruzeiro e Santos tiveram chances, mas um lance em especial deixou a torcida cruzeirense boquiaberta. Dagoberto finalizou em direção ao gol, mas um jogador do Peixe conseguiu cortar o que poderia ser o segundo gol celeste. “Não dá para falar muito. Mérito do lateral que cortou no último lance”, disse Dagoberto. 

"FORÇA INTERIOR"
A vantagem é mínima, mas o Cruzeiro venceu o Santos nesta quarta-feira sem ser vazado no Mineirão. O único gol da partida foi marcado por Willian, aos 10 minutos do primeiro tempo, em bonito chute de pé esquerdo. O resultado deixa a equipe celeste em vantagem por vaga na decisão da Copa do Brasil. Mas para balançar a rede, Willian precisou finalizar duas vezes. Na primeira, a bola bateu em David Braz. Na segunda, ganhou a gaveta da baliza guardada por Aranha. “O primeiro chute não foi tão bom assim. Mas acabou que o David Braz tirou fraco. Acreditei na segunda bola e consegui pegar bem, olhando o goleiro, tirando do Aranha. Fico feliz. Fazer gols sempre é especial. Ainda mais pelo resultado, numa competição dessa, semifinal de Copa do Brasil. Tenho certeza que esse gol nos ajudará bastante. Faremos uma excelente partida na volta para buscar nosso objetivo, que é a classificação”, comemora o atacante. Questionado sobre o alto número de jogos na temporada, Willian negou desgaste físico e disse que o time tenta se superar na reta final para garantir os dois troféus nacionais. “Eu estava me sentindo super bem. Claro que há jogos no qual cansamos mais rápido. Mas estava bem. E também estamos buscando uma força interior. Falta pouco. Nossa motivação é grande para chegar num título Brasileiro, numa final da Copa do Brasil”, afirma.

quarta-feira, 29 de outubro de 2014

CRUZEIRO VENCE, JOGA BEM E PODERIA TER SIDO DE MAIS

POR: JOÃO VITOR VIANA

Aqui a gente cobra e, em campo, o Cruzeiro respondeu. Jogou bem como há muito não jogava. Não foi um time pragmático, criou, envolveu o adversário e só não saiu com uma vantagem maior porque o trio de arbitragem anulou um gol legítimo de Ricardo Goulart.

O Cruzeiro dominou o jogo, tentou surpreender o goleiro adversário e saiu na mesmice. Mostrou um bom futebol e não tenho dúvidas que, se não fosse o erro grosseiro da arbitragem, o jogo não seria 2 a 0, mas um placar ainda maior.

Vencemos por 1 a 0, vantagem mínima, mas que nos garante, ao mínimo, um empate ou mesmo uma derrota por um gol de diferença, sendo o placar mínimo o de 2 a 1.

Destaque do jogo para Willian, Henrique, Mayke, Fábio e Julio Baptista.

Agora é concentrar na partida contra o Botafogo, uma nova decisão.

Estaremos lá.

Esteja também!

ACREDITA NO CRUZEIRO HOJE? FAÇA SUA APOSTA!



Aposte na semifinal da Copa do Brasil entre Cruzeiro x Santos

Por: Ercio Bamberg

Um dos jogos mais importantes do ano para Cruzeiro e Santos acontecerá hoje no Mineirão, quando o Cruzeiro recebe o time paulista pelo jogo de ida da semifinal da Copa do Brasil. A Raposa precisa fazer o resultado para não depender do jogo em São Paulo, enquanto o Santos vai em busca do gol fora de casa. Vamos ver aqui as principais apostas online disponíveis no site 188BET, um dos sites mais seguros e confiáveis do mundo nesse mercado.

O Cruzeiro é o atual campeão brasileiro e provavelmente vai ganhar o título desse ano também, já que tem cinco pontos de vantagem faltando poucas rodadas para o fim, mas a atual fase do time não é boa. Nas últimas seis partidas, apenas uma vitória, retrospecto que não combina com o que foi a campanha do time nesta temporada. Os dois últimos jogos terminaram empatados, o que coloca um ponto de interrogação no que deverá acontecer no jogo de hoje. O Cruzeiro tem três desfalques para essa partida, o zagueiro Manoel, o atacante Marquinhos e o meia Alisson. No Campeonato Brasileiro, o Cruzeiro derrotou o Santos sem piedade no Mineirão por 3x0, com gols de Ricardo Goulart, Julio Baptista e Marcelo Moreno, que é o vice-artilheiro do Brasileirão com 13 gols.

O Santos vem para este duelo com o moral bastante elevado, pois derrotou o Botafogo na fase anterior do torneio com um valor agregado de 8x2, e ainda venceu o clássico contra o Palmeiras com certa facilidade, demonstrando o potencial ofensivo da equipe e o bom momento do time, o que ode fazer diferença nesta reta final no esquema de mata-mata, ainda mais decidindo a vaga em casa.  Ter Robinho e Leandro Damião no mesmo time é para poucos, e esse ataque merece toda a atenção defensiva da parte dos rivais. O Santos vem de dois jogos sem vencer, mas antes desses jogos conseguiu duas vitórias consecutivas que dão esperanças para o time surpreender nesta quarta feira. O Santos não terá Geuvânio e Thiago Ribeiro para esta partida.

No site 188BET, o Cruzeiro é considerado o grande favorito para vencer a partida, com cotação de 1.55, contra 5.85 para a vitória do Santos no Mineirão, e ainda 3.80 para o empate. Com isso, temos 55% de lucro caso a Raposa confirme a vitória sobre o time paulista. Para os apostadores cruzeirenses mais otimistas, é possível aumentar ainda mais esta cotação, apostando no handicap asiático através da seleção “Cruzeiro -1”, pagando 2.01. Nessa aposta, precisamos que o Cruzeiro vença por dois ou mais gols de diferença. Se vencer por apenas um gol, a aposta é devolvida.

Outro mercado que merece nossa atenção para este jogo é o mercado de gols. Os dois times tem seu modo de jogar baseado no ataque, e ambos tem jogadores de grande potencial para decidir o jogo, como Ricardo Goulart e Everton Ribeiro de um lado, Robinho e Gabriel de outro. Assim, espera-se um jogo com muitos gols esta noite, e a cotação de 2.04 para a aposta “Acima de 2.5 gols” torna-se bastante interessante. Nessa aposta, precisamos apenas que 3 ou mais gols sejam marcados, não importa para que lado.
Estas e muitas outras apostas online estão disponíveis no 188BET, que oferece a novos apostadores bônus de até 188 reais como forma de boas vindas. Registre-se e bom divertimento!


PACIÊNCIA, TÉCNICA E FINALIZAÇÃO:O QUE O CRUZEIRO PRECISA PARA VENCER OS CAMPEONATOS

POR: JOÃO VITOR VIANA

Futebol é simples. Os jogadores, a imprensa, os torcedores e os treinadores que complicam. Nos últimos jogos, o Cruzeiro não esteve bem. Sim, o calendário prejudica, há uma sequência de lesões, mas todos os times estão na mesma toada. E se quiser vencer, terá que superar os percalços.

Teremos duas decisões na semana. A primeira será contra o Santos. Não podemos tomar gols, mas também temos que fazer. O que fazer nessa situação. Primeiramente, se motivar. Se o time se sente limitado ou desgastado, deve jogar poupando suas forças e apostando em lances-chaves. Não falo que o treinador deve poupar jogador. Mas o jogador se poupar. Jogar com tranquilidade, paciência, rodando a bola até criar um lance de gol. E quando a jogada ocorrer, finalizar. E finalizar várias vezes.

Um dos pontos que o Cruzeiro tem pecando muito é justamente no chute a gol. Nos últimos jogos, ou cria e perde ou não cria. É hora de criar e fazer. Ser objetivo. O Cruzeiro tem qualidade, mas precisa ser menos ansioso. A ansiedade tem sido o principal adversário do time, que não pode sentir-se pressionado, mas fazer o adversário se sentir, fazer o adversário se cansar e fazer com que eles entrem no nosso jogo. O discurso por lá é de jogar no contra-ataque. Ou seja, vão vir fechados, esperando o lance, esperando "a" bola. Não podemos dar essa chance. Precisamos, com calma, estufar as redes deles o quanto mais. Se conseguirmos dois gols, eles sairão e o contra-ataque será nosso. E aí sim, nós jogaremos por uma bola para sacramentar praticamente a classificação.

Cruzeiro tem que ser Cruzeiro. Tem que ter atenção, mas acima de tudo saber envolver o adversário. Marcar bem, caprichar nos passes e finalizações. Não podemos ficar apenas lançando bolas na área do adversário. Nem quarta nem domingo. Temos que ser criativos, mostrando nossa capacidade, não nosso pragmatismo.

Confio na evolução do Cruzeiro e confio nos jogadores do Cruzeiro. Que Marcelo Oliveira saiba tirar de cada um o seu melhor e treine fundamentos diferentes que simples bolas alçadas. O Cruzeiro é mais que isso e tem tudo para conquistar a Tríplice Coroa novamente. 

TIME ENCORPADO. QUE BOM QUE JÚLIO BAPTISTA VOLTA!

POR: RAPOSO SENSATO

Muitos torcedores do Cruzeiro implicam com Júlio Baptista.

Falam que ele é lento, que não joga nada, que é um jogador que ganha muito e tem alto custo-benefício.

Permita-me discordar.

E explico o porquê.

Julio Baptista é um jogador de grupo, diferenciado e altamente técnico.

Encorpa o time.

É um jogador forte, técnico e bom de bola.

Um cara que começou jogando como volante e devido justamente ao toque requintado acabou adiantado.

No Sevilla, foi rei.

Jogou no Real Madrid também.

Muitos gols na carreira, basicamente como camisa 10 ou segundo atacante.

Quando chegou ao Cruzeiro, teve que esperar sua vez, mesmo com todo o seu invejável currículo.

Everton Ribeiro e Ricardo Goulart estavam voando, restando ao experiente jogador se dedicar e se por à disposição onde o treinador quiser.

Quis o destino que fosse como centroavante, posição nunca antes jogada.

Diferentemente do que dizem jornalistas desinformados, que abrem a boca e falam um monte de besteiras.

Julio nunca foi "camisa 9".

Mas justamente por querer ajudar, se dispôs a fazer esse pivô.

E ao contrário do que muito torcedor fala, Júlio Baptista é extremamente importante para a equipe.
Pode não se destacar no jogo, mas chama a atenção do adversário e prende, ao menos, dois marcadores.

Forte, quando toca na bola e gira, é um perigo.

E diante do Santos, caso Moreno não jogue, é a melhor opção.

E digo mais: mesmo com Moreno bem, eu colocaria o JB.

Até porque o Moreno não está bem.

A bola bate nele e volta, não sabe fazer pivô.

Contra o Santos, JB é o mais escolhido. A bola não volta e ele sabe tabelar, é técnico e finaliza como poucos.

Ganhamos ainda um batedor de faltas, que há tempos estamos atrás.

Que o Júlio jogue e que a torcida o valorize mais. 

Joga muito.

CRUZEIRO PODE TER JÚLIO BAPTISTA NO ATAQUE

O técnico Marcelo Oliveira acabou ganhando uma nova dor de cabeça para escalar o ataque. O centroavante Marcelo Moreno sentiu dores na coxa esquerda e deixou a Toca da Raposa II para realizar exames. O boliviano passa a ser dúvida para a partida contra o Santos, e a chance de estar presente em campo é pequena. Julio Baptista treinou em seu lugar e afirmou que está preparado para ajudar o Cruzeiro nessa reta final de ano.

Na visão de Júlio, o Cruzeiro está motivado e precisa retomar o caminho das vitórias: "Nós passamos por um mal momento, mas isso é normal em todas as equipes. O que precisamos é ter a consciência de que podemos vencer, entrar em campo e dar nosso melhor. O Cruzeiro tem um grande elenco, alguns jogadores se lesionaram, mas acaba ocorrendo pela sequência grande de jogos, mas temos qualidade para dar a volta por cima e nesse jogo contra o Santos é importante termos uma vantagem para decidir no jogo de volta mais tranquilamente. Não será um jogo fácil, mas estamos preparados, eu principalmente animado para voltar e ajudar todo o grupo".

Se confirmada a lesão de Moreno, ele se juntará a Alisson e Manoel, outros desfalques por contusão. Marquinhos também está fora porque já atuou por outro clube (o Vitória) nesta mesma edição da Copa do Brasil, e está impedido de entrar em campo, por força do regulamento.

Fábio segue se tratando de torção no tornozelo, mas, segundo a assessoria do clube, a recuperação está dentro do previsto e a tendência é que ele esteja em campo nesta quarta.

O time que treinou nesta terça e provavelmente estará em campo contra o Santos tem Elisson (Fábio não treinou, mas deve jogar); Mayke, Dedé, Leo e Egídio; Henrique e Lucas Silva; Everton Ribeiro, Ricardo Goulart e Willian; Júlio Baptista.

RELACIONADO
O técnico Marcelo Oliveira divulgou, no início da noite desta terça-feira, a lista de jogadores relacionados para a partida contra o Santos, nesta quarta, às 22h, pelas semifinais da Copa do Brasil. O atacante Marcelo Moreno está na lista. 

Confira a lista de relacionados:

Goleiros: Fábio e Elisson
Laterais-direitos: Ceará e Mayke
Lateral-esquerdo: Egidio
Zagueiros: Bruno Rodrigo, Dedé e Léo
Volantes: Henrique, Lucas Silva, Willian Farias e Nilton
Meias: Everton Ribeiro, Julio Baptista, Marlone e Ricardo Goulart
Atacantes: Dagoberto, Marcelo Moreno, Neilton e Willian

ITALIANOS DE OLHO NO CRUZEIRO?

A próxima janela de transferências internacionais ainda não está aberta, mas três jogadores do Cruzeiro já são cobiçados por clubes da Itália. Segundo o jornal Tuttosport, Everton Ribeiro é alvo da Juventus, enquanto Dedé é sonho do Milan. O meia do Cruzeiro tem suas passagens recentes pela Seleção Brasileira exaltadas e o título de melhor jogador do último Campeonato Brasileiro.

A situação do zagueiro é diferente. Ele já foi sondado em várias oportunidades pela Velha Senhora, mas agora é apontado como solução para a defesa Rossonera. O defensor Gil, do Corinthians, é concorrente de Dedé para ocupar a zaga do Milan, segundo as informações do jornal italiano. O desejo do time europeu é encontrar um substituto à altura de Thiago Silva, de acordo com a reportagem.

A manchete do Corriere Dello Sport  diz que caso Montolivo não fique no Milan, Lucas Silva, volante celeste, seria uma aposta para substituí-lo. O jovem também foi especulado no Real Madrid nos últimos dias. O valor de mercado segundo pessoas ligadas ao Cruzeiro chega a 15 milhões de euros.  

CURTINHAS

ADVERSÁRIO DE DOMINGO JÁ COMEÇA A SE PREPARAR
O Botafogo teve que conviver com desfalques logo no primeiro treino da semana - o time ganhou dois dias de folga após vencer o clássico contra o Flamengo, em Manaus, no último sábado. O zagueiro André Bahia, o atacante Rogério e até o técnico Vagner Mancini não participaram da atividade realizada nesta terça-feira, no campo anexo do Engenhão. Vagner Mancini se ausentou por causa de uma reunião na sede da CBF (ele é vice-presidente da Federação Brasileira dos Treinadores de Futebol). O zagueiro André Bahia foi poupado devido a dores musculares, mas não preocupa. Já o atacante Rogério sente o tornozelo esquerdo e será avaliado ao longo da semana.

ADVERSÁRIO DE HOJE SE PREPARA PARA OS CONTRA-ATAQUES
Enderson Moreira revelou nesta terça-feira qual será a estratégia do Santos para o primeiro duelo com o Cruzeiro, nesta quarta, pela ida das semifinais da Copa do Brasil. O treinador avisou que, apesar de treinar a equipe na defensiva, vai buscar a vitória na base do contra-ataque. "Temos de estar preparados para vencer fora, sofrendo a pressão do adversário, mas sabendo usar bem o que podemos usar: o contra-ataque. Vamos dar campo para o adversário. A gente tem feito bem isso. Uma vez ou outra escapa o resultado, mas a equipe tem sido bem competitiva fora de casa", comentou o técnico, após o treino desta terça.

ARRECADAÇÃO EM ALTA
O Cruzeiro é o segundo clube que mais arrecadou com bilheteria nesta edição do Campeonato Brasileiro. De acordo com um levantamento realizado pelo site do canal ESPN, o clube celeste só arrecadou menos do que o Corinthians. Apesar dos bons números, a Raposa caiu neste ranking em relação ao ano passado. Em 2013, quando conquistou o tricampeonato, a torcida estrelada foi a campeã de público e renda da competição. Já na lista dos clubes com maior número de sócios, o Cruzeiro é o terceiro colocado, com 64.482 associados. O Corinthians é o quarto, com 61.571 adeptos. Os líderes são Internacional e Grêmio, com 125.342 e 79.625 respectivamente.

Confira o ranking das maiores rendas líquidas do Brasileirão:

1º Corinthians - R$ 16.839.977,00
2º Cruzeiro - R$ 13.562.768,00
3º Internacional - R$ 8.761.727,00
4º Grêmio - R$ 7.002.963,00
5º São Paulo - R$ 6.632.883,00
6º Flamengo - R$ 4.401.040,00
7º Sport - R$ 3.474.246,00
8º Palmeiras - R$ 3.426.605,00
9º Botafogo - R$ 3.179.120,00
10º Chapecoense - R$ 2.235.065,00
11º Atlético - R$ 2.211.896,00
12º Goiás - R$ 2.118.532,00
13º Fluminense - R$ 1.876.833,00
14º Bahia - R$ 1.712.400,00
15º Coritiba - R$ 1.702.278,00
16º Atlético-PR - R$ 1.668.106,00
17º Criciúma - R$ 1.627.308,00
18º Figueirense - R$ 1.623.557,00
19º Vitória - 960.612,00
20º Santos - R$ 813.470,00

terça-feira, 28 de outubro de 2014

NOTÍCIA BOA!


A Prefeitura de Belo Horizonte (PBH), a BHtrans e a Minas Arena chegaram a um acordo para aumentar as vagas  de estacionamento no entorno do Mineirão. Essa é um das grandes reclamações dos torcedores que frequentam o estádio. A informação foi dada em primeira mão pela Rádio Itatiaia.

Agora, serão mais de 4.000 vagas – antes eram apenas 2.800. A medida será adotada já na partida do Cruzeiro contra o Botafogo, pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro, neste domingo, às 17h.

Serão 2.800 vagas no estacionamento da Minas Arena, 900 no Mineirinho, 230 na Avenida Abrahão Caram (sentido Antônio Carlos - Mineirão), além de 90 para vans e micro-ônibus.

Outra novidade é que a administradora do estádio, a Minas Arena, irá comercializar vagas de estacionamento pela internet, além de instalar painéis de informação sobre vagas para os motoristas.

Linha Move Mineirão

A linha 55 (Move Mineirão) entrará em operação neste fim de semana. O funcionamento começa 2 horas e 30 minutos antes das partidas. O intervalo de saída será de 10 minutos. A última viagem sairá 30 minutos antes do início dos jogos.

O embarque e o desembarque serão feitos nas estações Rio de Janeiro, São Francisco e UFMG. Ele percorrerá as seguintes vias: Avenida Santos Dumont, Rua Espírito Santo, Viaduto Leste, Avenida Presidente Antônio Carlos, Viaduto José de Alencar, Avenida Abrahão Caram e Rua Rebelo Horta.

VANTAGEM DIMINUIU. HORA DE AUMENTAR

POR: JOÃO VITOR VIANA

O Cruzeiro tinha uma vantagem boa para o São Paulo. Chegou a 10 pontos. Devido à combinação de resultados desse final de semana, ela se reduziu à cinco. Não é a menor até aqui, mas já é para acender o sinal de alerta e ver que se não produzirmos em campo, isso tenderá a ficar ainda pior.

Não é pressionando o time, mas quem quer ser campeão precisa vencer. Não precisa jogar bonito, mas tem que, ao final de 90min, estar em vantagem sobre o adversário. Não importa se por 1 ou 10 a 0. O importante é não deixar essa diferença diminuir. Temos capacidade, competência e talento para sermos campeões. Mas temos que fazer por onde.

Agora a distância é de cinco pontos para o segundo colocado, o que nos assegura ao menos mais uma rodada na liderança com alguma folga. Mas teremos dois jogos seguidos em casa, contra Botafogo e Criciúma. Precisaremos de todo o vigor para vencer essas duas partidas. Vamos torcer por nosso bom desempenho em casa e torcer contra nossos principais rivais para que não vençam seus compromissos.

O importante é aumentar a diferença. Quanto maior a diferença e o menor número de jogos, melhor para nós.

Confio no Cruzeiro.

Estarei com ele até o fim.

Venha conosco!

Se a diferença, ontem, diminuiu, está na hora dela voltar a aumentar.

LÉO QUER CRUZEIRO COM "ERRO MÍNIMO"

O Cruzeiro vive um momento de instabilidade na temporada. Venceu uma partida dos últimos seis jogos que realizou na temporada. Para o zagueiro Léo, o time não está relaxado e sim passa por uma queda de rendimento, mas é preciso erguer a cabeça e não cometer erros graves na partida contra o Santos, nesta quarta-feira, às 22h (de Brasília), no Mineirão.  

- Em se tratando de mata-mata, o erro tem que ser mínimo, para que possa ter um êxito muito bom. O ultimo jogo contra o Santos, pelo Brasileiro por exemplo, o resultado não condiz como foi o jogo, foi difícil, depois acabou sendo o placar elástico, mas temos que ter atenção redobrada para conseguir a vitória – disse o jogador, relembrando a partida vencida por 3 a 0 pela Raposa no Brasileiro. 

O Cruzeiro não venceu o ABC, pela quartas de final da Copa do Brasil, e ainda perdeu para Corinthians e Flamengo. Nos últimos três jogos, venceu o Vitória e empatou com Palmeiras e Figueirense. Para Léo, o time não está relaxando, mas passa talvez pelo momento mais difícil no ano.  

- Relaxamento não tem, é uma equipe focada, bem direcionada, como toda equipe, passa um momento de dificuldade, talvez seja o momento mais difícil que estamos passando, tem horas que não funcionam, como o do Palmeiras, que a bola bate na trave e não entra. Mas a equipe está sempre focada, principalmente na reta final para conquistar os objetivos.  

O Cruzeiro inicia a disputa por uma vaga na final da Copa do Brasil nesta quarta-feira. Léo deverá formar dupla de zaga com Dedé, já que Manoel continua no departamento médico.

LINK ORIGINAL