quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

MENA APRESENTADO


Uma das oito contratações já feitas pelo Cruzeiro para a temporada 2015, o lateral-esquerdo Eugenio Mena foi apresentado oficialmente na tarde desta quinta-feira, na Toca da Raposa II. Com propostas de Boca Juniors e Dínamo de Kiev, o atleta chileno justificou a escolha pelo clube celeste.

“Tinha (proposta) do Boca, tinha de um time da Europa, mas queria vir para o Cruzeiro. Sempre gostei do time, da torcida, que é grande. Quando tive oportunidade de vir, não hesitei em nenhum momento”, afirmou o lateral-esquerdo, de 26 anos.

DE OLHO NO FUTURO, CRUZEIRO CONTRATA SENSAÇÃO DA COPA SP

O Cruzeiro se movimenta nos bastidores para anunciar o substituto de Everton Ribeiro, negociado com o futebol dos Emirados Árabes. Antes disso, porém, conforme foi apurado, o clube acertou a contratação do meia Alex, destaque da Copinha e camisa 10 do Botafogo-SP, vice-campeão do principal torneio de base do país. Aos 18 anos, ele ainda defenderá as categorias inferiores do Cruzeiro e não será, por enquanto, incorporado à equipe profissional.

Gilvan de Pinho Tavares conduziu a negociação pessoalmente, junto com o superintendente da base celeste, Bruno Vicintin. O empresário responsável por mediar as tratativas entre os clubes foi Fabrício Zanello, o mesmo de Judivan. O Cruzeiro irá adquirir 70% dos direitos econômicos do jovem, que aguarda resolução de detalhes contratuais para embarcar rumo a Belo Horizonte.

Alex não é o primeiro jogador que se destacou na Copinha deste ano e que foi contratado pelo Cruzeiro. O clube já acertou com o meia Ítalo e o zagueiro Antônio, ambos do ABC, de Natal. Os reforços são resultado de mapeamento feito pelo clube para reforçar a captação na base e montar um time forte na categoria sub-20, aproveitando o dinheiro acumulado com as vendas milionárias de atletas profissionais. Antes da competição nacional, o clube acertou com o zagueiro Tsunami, revelação do Remo e disputado por equipes do futebol brasileiro. Outros atletas ainda são observados.

Alex chegou ao Botafogo com 15 anos de idade e enfrentou alguns problemas de ordem disciplinar antes de se firmar no ótimo time júnior da equipe de Ribeirão Preto. Canhoto e exímio batedor de faltas, é tratado como o clássico camisa 10 em extinção no futebol brasileiro.

JULIO BAPTISTA MERECE SEQUÊNCIA? ELE PEDE.

Júlio Baptista espera mais oportunidades no Cruzeiro com as vendas de Ricardo Goulart e Éverton Ribeiro, para Guangzhou Evergrande, da China, e Al-Ahli, dos Emirados Árabes Unidos. Contratado em agosto de 2013, o meia-atacante ainda não deslanchou pelo bicampeão brasileiro. Para que isso aconteça, ele cobra uma sequência de jogos do técnico Marcelo Oliveira.
"Falta uma sequência de jogos (para que eu possa deslanchar), nada mais que isso. Uma sequência de jogos. Jogar várias partidas, pegar uma condição física boa, tenho certeza que isso vai acontecer naturalmente", disse.
Embora deseje atuar com mais frequência, o apoiador garante que não se incomoda com a reserva e sonha com a conquista de novos títulos na Toca da Raposa II, onde faturou duas edições do Brasileirão, além do Campeonato Mineiro.
"Acho que a gente tem um treinador que praticamente escala. Eu, como sempre, farei de tudo para jogar e ajudar o Cruzeiro a conquistar títulos. Independente de ser titular ou não, vou fazer a minha parte", comentou.
Júlio Baptista ainda fez uma análise de sua situação contratual. Com compromisso até julho, ele evita demonstrar qual a sua intenção ao término do vínculo e assegura que se pronunciará somente após a Taça Libertadores da América.
"A vontade de um jogador é sempre válida, mas sempre depende das duas partes para que isso aconteça. Vai depender, sobretudo, como terminarmos daqui a junho, o que conquistarmos até lá. A partir daí a gente senta e vê o que é produtivo para o Cruzeiro e para mim", concluiu.

EVERTON: O REAL VALOR DO JOGADOR

A venda de Éverton Ribeiro para o Al-Ahli, dos Emirados Árabes Unidos, está praticamente selada pelo Cruzeiro. Nesta segunda-feira, o empresário Robson Ferreira, responsável por conduzir a negociação, foi a Belo Horizonte para se reunir com o presidente Gilvan de Pinho Tavares e acertar os detalhes burocráticos da transação. Entre eles, a forma de pagamento.
Diferente do divulgado anteriormente, o valor chega a 17 milhões de euros (R$ 49,3 milhões). O bicampeão brasileiro terá direito a 10,2 milhões de euros (R$ 29,6 milhões). Cerca de 11,7% do montante destinado ao clube será utilizado para quitar uma antiga dívida referente à transação do jogador. Portanto, a agremiação terá acesso à quantia de 9 milhões de euros (R$ 26,1 milhões).
O restante da grana envolvida na venda do melhor jogador do Brasil há duas temporadas será repassado a investidores, já que o Cruzeiro adquiriu 60% dos direitos econômicos do atleta junto ao Coritiba, em janeiro de 2013. Na ocasião, os mineiros desembolsaram R$ 4 milhões por sua fatia do meia-atacante.
Conduzida de forma amigável por Robson Ferreira, a negociação do craque deve ser ratificada de forma oficial na noite desta quarta-feira. A diretoria aguarda a resolução de detalhes burocráticos para confirmar a transação em definitivo.
Embora ainda não esteja oficializado o acordo, o craque sequer participou do amistoso internacional diante do Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, neste domingo, no estádio Mané Garrincha, em Brasília. A partida que terminou empatada por 1 a 1 contou com a presença de Marquinhos na vaga do apoiador.
"Eu não vou nem jogar hoje. A gente conversou e ficou decidido que não vou para a partida", disse o atleta, que chegou a viajar para a capital federal, mas não foi acionado pelo técnico Marcelo Oliveira.
No futebol árabe, Éverton Ribeiro receberá vencimentos de R$ 1,14 milhão e assinará um vínculo de quatro temporadas. A ida para o clube de Dubai representa a 'independência financeira' do apoiador que acumula convocações para a seleção brasileira desde a chegada de Dunga.
Nesta quarta-feira, o craque realiza exames médicos em Londres acompanhado de Robson Ferreira, seu empresário, para assinar com o Al-Ahli. O resultado das avaliações será conhecido no período da noite. Posteriormente, ele retorna ao Brasil para assinar a rescisão e seguir para os Emirados Árabes Unidos.

EU INVESTIRIA EM GEDOZ E HENRIQUE

POR: MARCÃO ANTI-GALO

Muito dinheiro no bolso, saúde financeira para dar e vender. Assim está o Cruzeiro, que está no mercado em busca de reforços para conquistar a América em 2015. Se desfigurou, é verdade. No entanto, muito treinamento, conversa, contratações e esquema tático ideal podem fazer o Cruzeiro ser o melhor do Brasil novamente.

Gilvan está no mercado e diz que vai trazer jogador de primeira linha. Disse que o time que ficar elevando o preço porque o Cruzeiro tem mais recurso, vai ficar com o jogador. O clube não fará loucuras e está certo.

Gilvan também disse que se assustou com algumas pedidas. Leandro Almeida é bom, mas realmente não vale R$ 8 milhões (o Coxa pediu R$ 4 milhões por 50% e o atleta já tem 27 anos). Com o dinheiro arrecadado, eu indicaria e investiria em dois nomes: Gedoz e Henrique,

Gedoz, pelo que ele fez na Libertadores no ano passado e pela juventude, já que tem apenas 21 anos. É técnico, decisivo, bate bem falta e tem ótimo entrosamento com De Arrascaeta. Henrique, ex-Palmeiras e hoje no Napoli, seria minha outra aposta. Experiente e polivalente, poderia ser muito útil ao clube também pela liderança.

Gedoz inicialmente custaria 7 milhões de euros, mas nada que o Cruzeiro não possa fazer para diminuir essa pedida ou envolver, quem sabe, 50% do Vinícius Araújo ou até os já perdidos 50% de Kléber Gladiador? Talvez não precise comprar 100% e nem pagar a vista. Vale a pena negociar. Quanto a Henrique, vale ao menos uma consulta. Encaixaria como uma luva no Cruzeiro.

A QUE PONTO CHEGAMOS?

POR: RAPOSO SENSATO

A que ponto chegamos?

Um clube ter apenas 10% de um jogador.

Um site noticiou que Lucas Silva era somente 10% do Cruzeiro.

Verdadeiro absurdo.

O clube quem forma, o clube quem alimenta, que dá estrutura, e o que menos leva.

No futebol de negócios, quem mais oferece é o que mais toma ferro?

Nos dias atuais sim.

Ainda bem que o presidente Gilvan renegociou os percentuais.

R$ 19 milhões vieram para nós.

Ufa!

Com ele foi assim e com tantos outros também será.

Todo mundo já chega fatiado aos clubes.

Verdadeiro absurdo.

Que nos próximos anos, antes o prazo dado à Fifa ao fim dos intermediários e agentes donos de atletas, os clubes consigam ao menos ter um percentual maior.

Quem forma o atleta é quem merece, ao vender, o lucro por tudo.

Oportunistas, hoje, em dia, é que riem por último. 

CURTINHAS

BAIXA NA ZAGA
O zagueiro Manoel é a terceira baixa na zaga celeste neste início de temporada. O jogador, que vinda sendo titular na pré-temporada, sentiu um incômodo na coxa esquerda antes da partida contra o Shakthar-UCR, no último domingo, em Brasília, e foi poupado do confronto. Um exame de imagem constatou uma lesão na região, e o defensor será desfalque nas primeiras partidas da Raposa na temporada.

MAIS GRINGO?
Prestes a oficializar a saída de Éverton Ribeiro para o Al-Alhi, dos Emirados Árabes Unidos, a diretoria do Cruzeiro está no mercado a procura de um substituto para o meia. Na manhã desta quarta-feira, dirigentes do Cruzeiro estiveram reunidos com representantes do meia argentino, Jorge Luna, que defende o Santiago Wanderers, do Chile. Oficialmente, o clube mineiro não comenta a negociação. O jogador, de 28 anos, também está na mira de uma equipe do Rio de Janeiro, não revelado. No entanto, a direção do time chileno só admite negociar o atleta em definitivo, descartando a possibilidade de empréstimo. Os direitos do argentino giram em torno de 2,6 milhões de dólares, cerca de R$ 6,7 milhões de reais. 

RETORNO?
Dagoberto teve as férias prolongadas pela diretoria do Cruzeiro para procurar um novo clube para a atual temporada. Ao término do período de descanso, o atacante passou a treinar em horário diferente do restante do grupo na Toca da Raposa II e ainda não sabe qual será o seu destino. O presidente Gilvan de Pinho Tavares, contudo, não descarta a possibilidade de reintegrá-lo ao elenco. Embora evite falar sobre a situação do jogador, de 31 anos, que tem contrato com o bicampeão brasileiro até dezembro, o mandatário diz que a sua utilização no plantel do Cruzeiro depende de Marcelo Oliveira. "Estamos tendo todo carinho com ele, até porque é atleta nosso. Estamos tentando uma solução, se ele não sair (do Cruzeiro), de voltar ao plantel. Não depende da diretoria. Vai depender dele e do treinador", afirmou.


quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

AROUCA?

Com dinheiro em caixa, após negociar três de seus principais jogadores, o Cruzeiro vai ao mercado atrás de reforços para a temporada 2015. Nessa terça-feira, o presidente Gilvan de Pinho Tavares admitiu que Arouca é uma das possibilidades que o clube estuda para repor a saída de Lucas Silva. Foi apurado que o presidente confia no bom relacionamento que tem com a Teisa, investidora dona de 20% dos direitos do volante, para contratar o jogador.

Arouca enfrenta processo judicial para rescindir seu contrato com o Santos e, caso consiga o desligamento, seu destino deverá ser o Palmeiras. O Cruzeiro, no entanto, trabalha em outra frente. A Teisa confirmou à reportagem, através de um de seus diretores, que negocia acordo com o time celeste. “Faríamos um acordo antes da audiência. Se a gente se acertar, a ação seria retirada”, afirmou o representante. Os investidores também intermediariam o contato entre Cruzeiro e Santos.

Gilvan de Pinho Tavares comentou a situação do jogador, mas desconversou sobre as negociações. “O Arouca é um jogador muito interessante, tem todo o perfil para jogar no Cruzeiro, mas ele está em uma situação difícil para mexer. Ele está na Justiça contra o Santos e não ganhou a causa. Se ele perder o julgamento, teremos um problema para tirá-lo do Santos, até porque o clube vai fazer uma espécie de punição para não liberá-lo facilmente”, disse.

Técnico do Cruzeiro, Marcelo Oliveira também ressaltou o sonho de contar com o volante. “Arouca é um sonho do Cruzeiro, um sonho nosso. Ele (Arouca) está entre os nomes que a gente poderia trazer. Não sei se vai dar certo ou não. É um jogador que indiquei também”, disse o comandante.

O empresário de Arouca, Richard Alda, disse que não fará nenhum comentário antes que a situação judicial do atleta seja decidida. Advogada responsável por defender o volante no processo, Cristina Paranhos foi procurada, mas não atendeu as ligações. Uma pessoa próxima ao atleta, ouvida pela reportagem, acredita que “o processo está ganho” e que, assim, o destino do jogador deverá mesmo ser o Palmeiras.

PARÁ VEM. SOUZA VAI


O Cruzeiro já tem confirmado o oitavo reforço para a temporada 2015. Depois de longa negociação com o Bahia, o clube celeste chegou a acordo para a compra de 50% dos direitos econômicos do lateral-esquerdo Pará, de 19 anos. Em contrapartida, o volante Souza será emprestado ao Tricolor por um ano, com salários pagos pela Raposa.

“O Cruzeiro atendeu algumas exigências que o Bahia havia feito, formalizou o aceite. Estamos no momento de finalizar minuta de contrato. Ficariam pendentes apenas exames médicos e assinatura de contrato”, explicou o diretor de futebol do Bahia, Alexandre Faria. “O Cruzeiro vai comprar 50% e empresta o Souza por essa temporada, com salários pagos pelo Cruzeiro. E vai desembolsar uma quantia em dinheiro para o Bahia”, acrescentou.



Pará será o quarto lateral-esquerdo do Cruzeiro no início desta temporada. O clube apresentará na tarde desta quarta-feira o chileno Eugenio Mena. Breno Lopes e Gilson já estavam participando da pré-temporada na Toca da Raposa.

Com a chegada de Pará, o Cruzeiro soma oito reforços para a temporada 2015. Além do lateral-esquerdo que defendia o Bahia e de Eugenio Mena, o clube contratou o lateral-direito Fabiano, o volante Seymour, o meia De Arrascaeta e os atacantes Leandro Damião, Joel e Riascos.


LINK ORIGINAL

CONTRATAÇÃO DE VOLANTE À VISTA! VEJA O QUE DISSERAM MARCELO OLIVEIRA E GILVAN!

“Temos que trazer um substituto sim (para Lucas Silva). Nós temos atletas na função, alguns jovens e promissores, especialmente o Eurico e o Bruno Edgar, mas nós vamos disputar a Libertadores e mais um título brasileiro. Então, temos que ter um jogador com mais experiência, categoria e técnica nessa posição”

Marcelo Oliveira

“Estamos negociando com outro atleta para o meio de campo, uma negociação mais rápida, um atleta de nível para jogar no Cruzeiro e que o Marcelo (Oliveira) gostou muito. Então, pode sair dentro de poucos dias a negociação deste tipo”

Gilvan de Pinho Tavares

COM ISSO ME PREOCUPO!

POR: RAPOSO SENSATO

Sai Lucas Silva e quem vem?

Ninguém.

Isso me preocupa.

Não pelo fato de termos aqui Bruno Ramires ou Eurico, jogadores da posição de grande futuro.

Mas por termos de suportar jogadores limitados como Willian Farias e Rodrigo Souza.

E esses serem os "queridinhos" do treinador.

Willian Farias, aliás, não se assustem, é capaz de desbancar Seymour.

Segundo fontes, em breve Marcelo irá testá-lo entre os 11.

Como fez ano passado, quando erradamente colocou o incompetente Rodrigo Souza como titular.

Não aprendeu com o erro, pelo visto.

Ao por Willian Farias, erra muito.

O que me faz ficar assustado é outra coisa.

Henrique e Seymour não podem machucar.

E pior: as chances para a base nessa posição, inicialmente, fica em segundo plano.

DIEGO?

O Cruzeiro trabalha para encontrar um substituto para Éverton Ribeiro, negociado junto ao Al-Ahli, dos Emirados Árabes Unidos, por 17 milhões de euros (R$ 49,7 milhões) na tarde do último domingo. Dois atletas estão na pauta da diretoria: Diego, que tem contrato com o Fenerbahçe, da Turquia, até maio de 2017, e Jadson, atualmente defendendo as cores do Corinthians.
Vice-campeão europeu pelo Atlético de Madrid, da Espanha, em maio do ano passado, o ex-santista é tratado como prioridade pelo presidente Gilvan de Pinho Tavares. A sua contratação, no entanto, é considerada difícil pelos valores que seriam envolvidos. O atleta pleiteia vencimentos na casa de R$ 800 mil para retornar ao futebol brasileiro.
Além dos salários, o bicampeão brasileiro teria que desembolsar uma quantia elevada para compensar o clube detentor dos direitos econômicos do meia-atacante. A situação envolvendo a possível chegada de Diego à Toca da Raposa II está emperrada neste momento. O atleta, de 29 anos, é avaliado como o nome ideal para suprir a ausência do craque das duas últimas edições do Brasileirão.
Questionado sobre a possibilidade de retorno ao Brasil, Djair Cunha, empresário e pai de Diego, descarta, já que atualmente os clubes do país não têm condição financeira para competir com os europeus.
"Existe sim o interesse, mas ninguém no Brasil, hoje, tem condição de pagar o que o Diego recebe no futebol europeu. Eu tenho interesse em comprar um helicóptero, mas não tenho dinheiro para isso", disse, em tom de ironia.
Diante do impasse para contar com o jogador revelado pelo Santos, a cúpula do Cruzeiro traça um plano B para a posição. Jadson, do Corinthians, aparece como opção para substituir Éverton Ribeiro. Apesar do momento instável do apoiador, Marcelo Oliveira crê que pode ajudá-lo a recuperar o bom futebol na Toca da Raposa II.
O interesse do clube na contratação do camisa 10 alvinegro ainda é incipiente, mas a diretoria mineira não espera tantas dificuldades, já que ele não tem figurado entre os titulares do técnico Tite nas atividades de pré-temporada.
O Corinthians, contudo, não deve facilitar a liberação do atleta que ainda tem mais um ano de contrato com vencimentos de aproximadamente R$ 350 mil. A ideia dos cartolas paulistas é receber uma quantia considerável para aceitar a saída de Jadson do CT Joaquim Grava. Os números, contudo, não são revelados.

IMPRENSA BELGA DESTACA SONDAGEM DO CRUZEIRO POR GEDOZ

A imprensa belga dá grande destaque nesta terça-feira ao interesse do Cruzeiro pelo jovem meia Felipe Gedoz, do Club Brugge. O clube europeu foi sondado e teria pedido 7 milhões de euros pela liberação, valor considerado fora da realidade pela direção cruzeirense.

O jogador de 21 anos se destacou na Copa Libertadores de 2014 pelo Defensor ao lado do uruguaio De Arrascaeta, recentemente contratato pelo Cruzeiro. Em entrevista recente ao Superesportes, Gedoz manifestou interesse de reviver essa dupla no futebol brasileiro.




terça-feira, 27 de janeiro de 2015

MENA É DO CRUZEIRO E SERÁ APRESENTADO AMANHÃ. CLUBE DEVE ACERTAR NOVOS REFORÇOS EM BREVE

BLOG SITE CRUZEIRO ONLINE

Uma das três prioridades do Cruzeiro para 2015 está garantida: Mena é celeste! O lateral chileno, de 26 anos, foi contratado pelo Cruzeiro e assina por trës anos. Ele passou nos exames médicos, já realizou treinos físicos na Toca da Raposa II hoje e, amanhã, já deve treinar com os novos companheiros. Antes, às 16h30, será apresentado à imprensa.

Ele chega para assumir a camisa 6, deixada por Egídio e que não seria substituída à altura por Gilson ou Breno Lopes.

O clube não vai parar por aí. Ainda sonha com um armador e um zagueiro. O preferido para ser o "10" é Gedoz, ex-Defensor, mas o alto pedido do Brugge empacou o negócio. Nomes como Jadson (Corinthians) e Luiz Montes (Leon-MEX) chegaram até a ser analisados, mas nada evoluiu. Para a zaga, Leandro Almeida segue sendo o primeiro da lista e até o final de semana poderá ter um desfecho. Enquanto isso não acontece, o zagueiro Fabricio foi convocado para ser suplente no profissional. Sem Dedé, operado, e Manoel, machucado, Marcelo Oliveira corre o risco de perder o zagueiro Alex, com dores no joelho. Uma cirurgia não está descartada. Atualmente, o treinador somente contava com Bruno Rodrigo e Leo.

CENTURION
Outro nome falado na Toca II é do argentino Centurion, do Racing (ARG). O São Paulo, no entanto, tentou tirá-lo de lá, mas sem sucesso. O clube paulista ofereceu R$ 12,5 milhões mas teve o pedido negado. Se o Cruzeiro o quiser, terá que escancarar os cofres!





ENTREVISTAR ZEZE PERRELLA: PERDA DE TEMPO

POR: RAPOSO SENSATO

Um site mineiro famoso foi atrás de Zezé Perrella.

Em pauta, que ele comentasse o número de vendas de |Gilvan.pensava em estádio, em sócio.

Fiz  questão de sequer ler o que o ex-presidente disse.

Sei que vai vir merda por aí.

Afinal, a política atrasada dele se fez somente vendendo jogador.

Não pensava à frente.

Parou no tempo.

Tanto que sua última gestão foi um fiasco.

O mesmo presidente de 1995 não mudou a mentalidade em 2011.

Ainda bem que veio Gilvan.

Prezado pessoal do site, esqueçam esse senhor que ficou atrasado no tempo!

Sempre dirá que vender é o melhor negócio.

Venderia a mãe dele se pudesse,

Peçam a opinião de gestores!

De dirigentes atuais.

Não bastasse querer que nos desfizéssemos do nosso time, ainda ficam revivendo fantasmas de dirigentes que a torcida não sente a menor saudade.

Para que tumultuar?


EMPRESÁRIO DE SOUZA DEIXA PARÁ MAIS LONGE DO CRUZEIRO

O Cruzeiro se acertou com o Bahia em relação à transferência de Pará. A negociação pelo lateral esquerdo envolveria a ida de Souza para a Fonte Nova, mas há um entrave entre o representante do volante e a diretoria do clube de Salvador. O empresário Guilherme Miranda pretende uma comissão superior à oferecida na primeira proposta e é o responsável por emperrar as tratativas.
Benecy Queiroz, supervisor de futebol cruzeirense, detalha a situação e explica o que impede a vinda imediata de Pará para a Toca da Raposa II. O dirigente destaca que ainda não sabe qual será o desfecho das conversas.
"Houve um pequeno entrave na negociação pelo Pará. O procurador do Souza pediu uma comissão a mais para o Bahia e, por enquanto, não há acordo. Vamos esperar a resolução entre o Bahia e o empresário do jogador para saber o que faremos. A vinda do Pará depende desta situação", disse.
A reportagem entrou em contato também com o agente do meio-campista na tarde desta segunda-feira, mas Guilherme alegou não estar no Brasil e por fora das negociações: "Estou fora do país. Infelizmente, eu não vou poder ajudar".
O Cruzeiro chegou a enviar aos dirigentes do Bahia uma lista de atletas, além de disponibilizar Souza. Portanto, existe a possibilidade de outro atleta seguir para a Fonte Nova. A cúpula do clube de Salvador, contudo, não se pronunciou sobre o caso.
"Não sei (se há a possibilidade de ir outro atleta na negociação). Isso depende do Bahia. O jogador que eles solicitaram foi o Souza. Agora temos que aguardar esta negociação para saber como será realizado o acordo", concluiu.
Se, por um lado, o Cruzeiro tem dificuldades para anunciar a contratação de Pará, por outro, se aproxima do anúncio de Eugenio Mena. O chileno aceitou as bases propostas pelo clube e o anúncio depende de exames médicos e detalhes burocráticos.